A Polícia Militar de Santa Catarina lançou nesta semana o Projeto 190 Acessível,  que visa promover a inclusão social de surdos do Estado. Ciente da importância do seu papel na sociedade, a PM disponibilizou no seu site um ícone para acionamento do serviço de emergência.

De fácil acesso, a capitão da PM-SC, Karoline Melo da Cunha, destacou que o serviço de emergência direcionado a pessoas surdas, com deficiência na audição ou na fala, vai além da inclusão social, abrangendo o direito do cidadão.

Segundo ela, de maneira simples e rápida, o atendimento pode ser acessado por esses portadores de necessidades especiais. “Basta clicar no ícone para iniciar o bate papo, onde através de chat, entre o solicitante do serviço e um atendente da Central Regional de Emergência, vai registrar o chamado para ocorrência. O projeto vem proporcionar a estes usuários o mesmo atendimento já existente no 190.”

Com abrangência em todo estado, o projeto-piloto dá inicio às atividades na Central de Emergência de Balneário Camboriú, com repasse para todo estado. Ao considerar que o atendimento é um direito de todos, Karoline salientou que é possível rastrear a origem da mensagem desde o início da comunicação e, assim, evitar trotes. Segundo a oficial, é valido lembrar que qualquer tipo de trote é crime. “Nosso objetivo é multiplicar a informação, divulgando o serviço para que todos que necessitem possam usufruir do atendimento, se necessário.”

Funcionamento

Acesse a página da Polícia Militar, www.pm.sc.gov.br. Após esse passo clique sobre o ícone, assim se iniciará um bate-papo entre o solicitante do serviço e um atendente da Central Regional de Emergência. O atendimento do serviço 190 será o mesmo, a diferença é que ao invés de você falar, vai solicitar a ajuda por mensagem escrita.

Fonte: Floripa News