Ocorreu na manhã desta sexta-feira, 18, a inauguração da segunda Central de Interpretação de Língua Brasileira de Sinais (Libras) de Santa Catarina, que funcionará junto a Associação dos Pais e Amigos dos Surdos (Apas) de Lages.

A presidente da Fundação Catarinense de Educação Especial (FCEE), Rose Bartucheski, assinou o convênio relativo ao serviço e realizou a entrega dos computadores, dos materiais e de um veículo, os quais serão utilizados para a prestação das atividades. A primeira Central de Interpretação de Libras de Santa Catarina já funciona desde 2012 nas dependências da FCEE, em São José.

A Central de Interpretação de Libras é um serviço gratuito que será prestado pela Apas de Lages para intermediação da comunicação para usuários não-ouvintes de todos os 12 municípios que compõe a Secretaria de Desenvolvimento Regional de Lages. O serviço é disponibilizado por meio de uma parceria da FCEE com o programa do governo federal Viver Sem Limites da Secretaria de Direitos Humanos da Presidência da República.

“A Central de Intérpretes é uma oportunidade para as pessoas surdas obterem apoio e acompanhamento em ocasiões como comparecimento a uma audiência com um advogado, consulta médica ou outra atividade que dependa da comunicação com pessoas que não conheçam a Libras”, explica a presidente da FCEE, que esteve em Lages acompanhada do Gerente de Pesquisa e Conhecimento Aplicados, Waldemar Pinheiro, da coordenadora do Centro de Capacitação de Profissionais de Educação e Atendimento às Pessoas com Surdez da FCEE, Patrícia Amaral, e da intérprete de LIibras, Elenice Soares.

O presidente da Apas, Ademar Varela, ressalta que o projeto trará grandes benefícios à comunidade surda. “A região tem centenas de surdos e a Central dará a eles o direito constitucional de se expressar amplamente”, afirmou. “A escolha de Lages para receber a Central levou em conta o número de municípios contemplados e a quantidade considerável de surdos que serão beneficiados”, explicou, por sua vez, Patrícia Amaral.

Histórico

As Centrais de Interpretação de Libras são parte da política desenvolvida pela Secretaria Nacional de Promoção dos Direitos das Pessoas com Deficiência do governo federal. Desde 2012, foram implantadas 23 centrais no Brasil em parcerias com estados e municípios, que auxiliam o atendimento das pessoas surdas nos serviços públicos, médicos, jurídicos e policiais com intérprete de Libras e traslado. Para implantar as Centrais, o governo federal doa mobiliário, computadores, equipamentos eletrônicos e um carro para Estados e municípios interessados. Como contrapartida, os parceiros devem disponibilizar recursos humanos e materiais de escritório, além de um motorista e de manutenção para o veículo.

A Central de Intérpretes de Libras da FCEE, instalada no campus da instituição em São José, foi criada em agosto de 2012. Ela realiza atendimentos gratuitos para a comunidade surda de todo o Estado. Todos os atendimentos são feitos com agendamentos prévios com 48h de antecedência via e-mail, telefone, Skype ou pessoalmente na sede da Central. Casos de urgência também são atendidos através de um intérprete plantonista membro da Central. Contatos através do e-mail centralinterpretes@fcee.sc.gov.br ou pelo telefone (48) 3381-1651.

Mais informações para imprensa:
Aline Buaes
Assessoria de Comunicação FCEE
(48) 3381-1693 / 3381-1600
Email: imprensa@fcee.sc.gov.br

Fonte: Governo de Santa Catarina

Comentários no Facebook